Seduc apresenta plano de ações para o programa Cidade Empreendedora do Sebrae

  • Publicado no dia: 20-10-2022
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

     

    Nesta quinta-feira (20), a Secretaria de Educação (Seduc) apresentou e entregou o Plano de Ações do programa Cidade Empreendedora 2023, do Sebrae. Paulo Afonso foi um dos municípios que aderiu a ação, que tem como objetivo engajar a gestão na promoção de políticas públicas de desenvolvimento econômico local, prevendo o fortalecimento do ambiente empresarial no município.

     

    O encontro contou com a presença, dos secretários de Educação, Elza Brito; de Turismo, Indústria e Comércio, Nino Rangel; o subsecretário de Educação, Pedro Gomes; a representante do Sebrae, Maria Helena; a assessora da SeticClícia Nascimento, diretores, coordenadores e professores.


    “Nós já estamos trabalhando na rede a educação empreendedora com os alunos da EJA, onde os professores desenvolvem atividades pensando no protagonismo do aluno que inova, assume uma liderança, que busca o seu desenvolvimento diante das realidades locais. A proposta é ampliar para a rede trazendo esses conteúdos para o currículo. Nós vamos trabalhar em várias etapas de ensino, os professores vão também receber a formação e nós vamos acompanhar durante todo o período”, diz Elza.


    A trilha que integra o programa Cidade Empreendedora, possui outras áreas como sustentabilidade, agricultura familiar, sala do empreendedor, compras governamentais e desburocratização. Essas trilhas todas juntas estrutura esse programa macro que tem como objetivo prioritário potencializar o desenvolvimento econômico, social e educacional de um município e/ou território.


    A trilha da educação foi composta de vários momentos, com diálogos sobre educação empreendedora, educação integral, desenvolvimento territorial, tudo atrelado a educação. Para o fechamento da atividade, foi abordado sobre gestão empreendedora na escola e a entrega do plano de ação.


    “A cidade empreendedora vem se mostrando uma ferramenta muito útil para a organização e planejamento de toda a Prefeitura. A partir de 2023 nós teremos um olhar diferente sobre a gestão municipal, um olhar empreendedor, um olhar conjunto, onde as secretarias irão se comunicar de forma mais constante, precisa e olhando o desenvolvimento comum da gestão municipal. Estamos fazendo esse planejamento junto com o Sebrae e recebendo todo o trabalho que vem sendo feito nas secretarias para que possa unificar e depois devolver de forma planejada todas as ações”, diz Nino Rangel.


    “Inicialmente a gente pactuou sensibilizar os professores, levar a temática do empreendedorismo e da educação empreendedora para todos os segmentos de ensino, trabalhar as competências socioemocionais nos professores, implementar algumas metodologias que o Sebrae já disponibiliza para anos iniciais, anos finais e EJA, que é o público que o município prioriza bastante, que é muito importante para o setor econômico, esse público que de ensino normal e agora está retornando para resgatar aquilo que eles não conseguiram concluir”, destacou a representante do Sebrae, Maria Helena.


    De acordo com a equipe o próximo passo é retomar a fase dois em parceria com o Sebrae, em 2023, para começar todas as ações que foram acordadas e planejadas, desde a jornada pedagógica até ações que serão permanentes como projetos que serão elaboradas que vão trabalhar a questão do senso de pertencimento das pessoas ao território e outras ações que estão programadas no plano.

     

    Autor: Ascom/ PMPA