Prefeitura prepara programação especial em homenagem às mulheres

  • Publicado no dia: 05-03-2013
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, a Prefeitura de Paulo Afonso preparou uma programação especial para atender a comunidade feminina durante todo o mês de março. As ações serão realizadas pelas secretarias de Desenvolvimento Social (SEDES), Saúde e Educação em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM) e da Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher (DEAM).

    A programação tem início nesta quarta-feira (6), e disponibiliza oficinas, procedimentos em saúde, palestras educativas, pit stop, entrega de kits para bebês do sexo feminino nascidos no dia 8, testes rápidos de HIV, Hepatite B e C, Sífilis, Chá Dançante, café da manhã para as mulheres em situação de prisão, entrega de certificado do Curso de Tecelagem Manual do Programa Arte de Tecer, entre outras atividades comemorativas.

    As ações serão encerradas com o lançamento da Revista da Rede de Atenção à Mulher de Paulo Afonso, uma realização do Conselho Municipal de Direitos da Mulher em parceria com a SEDES.

    Toda a programação está sendo acompanhada pelo Centro de Referência da Mulher Eudócia Antunes de Assis com a colaboração da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), do Conselho Municipal de Direitos da Mulher (CMDM), do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), Programa Projovem Adolescente, Núcleo Social do BTN, Escola de Corte e Costura, dos PSf’s, do Centro de Assistência à Mulher, do CTA/SAE, das escolas da rede municipal de ensino, Conjunto Penal de Paulo Afonso e do SESC Ler.

    “O município de Paulo Afonso tem sido referência no Estado da Bahia com a sua Rede de Atenção à Mulher, possuindo várias políticas públicas que contribuem para a promoção, defesa e garantia dos direitos da mulher, o que tem contribuído significativamente para melhorar a qualidade de vida das mulheres paulafonsinas”, ressaltou a secretária de Desenvolvimento Social, Ana Clara Moreira.

     

     

    Autor: ASCOM/ PMPA