“Yes, we can”: alunos comemoram curso de inglês oferecido pela Prefeitura

  • Publicado no dia: 24-02-2016
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Atualizado em 25/02 às 08:50

     

    “Foi a primeira vez que tive a oportunidade de fazer um curso de inglês e tenho certeza que vai ser importante para meu futuro”, a declaração da estudante Yolanda Oliveira, de 18 anos, mostra o que significou o projeto ‘Inglês no meu bairro”, oferecido pela Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social em parceria com a escola de idiomas Vision.

    Na manhã desta quarta-feira (24/02), Yolanda e outras 62 pessoas atendidas pelo projeto receberam certificado de proficiência em nível intermediário no idioma anglo-saxão. A solenidade ocorreu no auditório Edson Teixeira e contou com apresentações musicais e mensagens de agradecimento em inglês feitas pelos alunos.

    Idealizadora do projeto, a secretária de Desenvolvimento Social Ana Clara Moreira, destaca “nosso principal objetivo, além de desenvolver o gosto pela língua inglesa por sua importância, foi promover uma melhor qualidade de vida visto que através do conhecimento adquirido os jovens atendidos podem alcançar um melhor posicionamento no mercado de trabalho”. A secretária relatou durante a cerimônia que algumas empresas já estão a procura dos jovens que passaram pelo curso. “Isso nos dá uma grande satisfação”, concluiu.

    O curso teve duração de um ano, foram 70 horas no curso básico e mais 140 no nível intermediário. E atendeu jovens entre 15 e 29 anos, preferencialmente, beneficiários do Programa Bolsa Família.

    Para o professor e coordenador do curso Kennedy Alcântara, o estudo de língua inglesa é fundamental por ser um dos mais falados no mundo. “Oferecer o acesso desse conhecimento a jovens da área urbana e rural foi algo muito gratificante. Ensinando o inglês nós abrimos a oportunidade para conhecer o mundo”, comentou o professor.

    Segundo Márcia Oliveira, coordenadora do programa de Educação Inclusiva da Prefeitura, a ideia é que o projeto funcione de forma itinerante. “Este já é o segundo ano do curso. Desta vez, jovens dos povoados Várzea e Malhada Grande, além do centro, através da Estação Juventude foram atendidos. A próxima turma ainda está sendo definida, mas a ideia é manter esse caráter itinerante”, declarou.

    O prefeito de Paulo Afonso não escondia a satisfação com o resultado do trabalho e pelo que foi apresentado. “Parabéns a Kennedy, Márcia, enfim, todos que souberam motivar esse grupo que com determinação terminou o curso. O aprendizado não acaba nunca”, concluiu. Para os jovens o prefeito deixou a mensagem: “Devemos perseguir nossos sonhos e torná-los realidade. Lembrem que Luther King dizia: “Ihave a dream”, até que chegamos ao “Yes, we can” de Barack Obama.

    A solenidade contou com as presenças do vice-prefeito, Jugurta Nepomuceno, da Coordenadora de Inclusão Produtiva, Márcia Gorette, da Gestora do Programa Bolsa Família, Lucicleide Coelho, da coordenadora da Estação Juventude, Rosário e do vereador, Zezinho do INPS.

     

    Autor: ASCOM/PMPA por Dorisvan Lira