Vacinação tem procura intensa da 1ª dose para pessoas com comorbidades 45+ e 2ª dose Coronavac e Astrazeneca

  • Publicado no dia: 14-05-2021
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES


    A imunização contra a covid avança a todo vapor no munícipio e nesta sexta (14), não foi diferente – a Secretaria de Saúde realizou a 1ª dose da vacina para pessoas com comorbidades a partir dos 45 anos e a 2ª dose da Coronavac/Butantan e Astrazeneca/Fiocruz.


    Assim como as demais etapas de vacinação, a procura continua intensa nos pontos de vacinação no Ginásio Luís Eduardo, na Praça Céu no BTN I e Praça da Fazenda Chesf e reforça que o município vem trabalhando significativamente para atingir o maior número de grupos vacinados.


    ” Paulo Afonso está de parabéns, nosso município se encontra numa posição muito boa no ranking de aplicação da 2ª dose em relação as cidades do Estado. A Secretaria de Saúde tem trabalhando intensamente para avançar na vacinação e garantir que mais pessoas sejam imunizadas”, comentou a coordenadora de imunização, Damares Lopes.


    Para Beth de Farias, imunizada com a 1ª dose, esse momento é de realização tanto para ela quanto para a família. “Só tenho a agradecer aos profissionais de saúde que me acolheram tão bem e a Prefeitura, que vejo que tem se esforçado para imunizar o maior número de pessoas. Me sinto um pouco mais segura “, frisa.


    A coordenadora de Imunização reforça que as pessoas que vão tomar a 1ª dose fiquem atentas para apresentar a documentação exigida; CPF, RG, comprovante de residência, original e xerox da receita médica (atualizada nos últimos 12 meses) ou laudo médico para pacientes hipertensos e/ou diabéticos.As demais comorbidades seguem a apresentação do lado médico (cópia e original).


    “A maioria das pessoas traz a documentação toda certinha, uma ou outra que acaba esquecendo e precisa retornar. A procura é intensa tanto para a 1ª quanto para a 2ª dose, e a nossa equipe segue trabalhando firme com a maior dedicação”, diz Damares.


    Paulo Afonso Solidária


    Além de vacinar, hoje também foi dia de ajudar o próximo com a doação de alimentos não perecíveis e produtos de higiene pessoal na campanha Paulo Afonso Solidária, realizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e parceiros.


    A doação não é obrigatória, mas é um ato de solidariedade e vai ajudar as famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica.


    “Estou doando uma cesta básica, tenho certeza que essa doação vai ajudar uma família nesse momento tão difícil que estamos passando”, disse, José Gomes.


     

    Autor: ASCOM/PMPA