Setembro Amarelo: ações de incentivo à preservação da vida são realizadas no município

  • Publicado no dia: 10-09-2019
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    O 10 de setembro foi escolhido como Dia Mundial de Preservação ao Suicídio. A Secretaria de Saúde, através do Núcleo de Apoio à Família (Nasf), está realizando campanha de incentivo à preservação da vida. Entre as ações está a realização de palestras, onde profissionais estão conversando com jovens e crianças sobre a importância que a vida humana tem.

     

    As palestras foram realizadas no CRAS do Bairro Tancredo Neves e na Escola Rita Gomes, no povoado Malhada Grande. No último sábado (7), a campanha ‘Abraço Grátis’ esteve no desfile, na Avenida Apolônio Sales. A proposta é conversar com as pessoas e através de um gesto gentil, abraçar o próximo. “O desfile cívico de 7 de setembro foi o momento escolhido para nossa ampla mobilização do Setembro Amarelo. Unidos ao CAPS AD e II, fomos às ruas abraçar as pessoas. A campanha ‘Abraço grátis’ foi o tema escolhido para trabalharmos na atenção básica durante esse mês. Um abraço muda uma pessoa e pessoas podem mudar o mundo”, diz a coordenadora do Nasf Marília Brito.

     

    O Setembro Amarelo também está sendo trabalhado no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS AD e II). “É um trabalho realizado durante todo o ano e que culmina em diversas ações no mês de setembro, com várias atividades na unidade do CAPS AD, com os pacientes assistidos, ou seja, com a parte de saúde mental”, afirma o coordenador do CAPS AD, Roberto Wescley.

     

    A Organização Mundial de Saúde (OMS) alerta para que os países tenham um plano de estratégia para os casos de suicídio. Ainda de acordo com o órgão, no mundo, uma pessoa se suicida a cada 40 segundos. Entre jovens de 15 a 29 anos, a prática já é a segunda causa de morte, perdendo apenas para os acidentes de trânsito.

     

    Autor: Ascom PMPA