Secretário interino de Saúde visita Hospital de Urgência Covid e novo Centro de Triagem do BTN

  • Publicado no dia: 06-08-2020
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Nesta quinta-feira (6), o secretário interino de Saúde, Luiz Humberto, visitou as unidades de atendimento exclusivo a pacientes com sintomas gripais que levam à suspeita de contágio pelo novo coronavírus ou diagnosticados com covid-19.


    O secretário, que assumiu interinamente a pasta da Saúde no dia 8 de julho, visitou o novo centro de triagem instalado recentemente na academia da saúde do Bairro Tancredo Neves III e o Hospital de Urgência Upa Covid, inaugurado pela Prefeitura no dia 29 de abril. Ele explicou que as visitas foram feitas para acompanhar o trabalho das equipes, que desde o início da pandemia têm exercido um papel significativo na missão de salvar vidas.


    “Com o apoio fundamental do prefeito Luis de Deus, nós estamos fazendo tudo o que está ao alcance da gestão municipal para preservar a saúde dos pauloafonsinos e salvar vidas de pessoas, infelizmente contaminadas pelo novo coronavírus. Hoje, visitamos o Hospital de Urgência Upa Covid e o centro de triagem do BTN para acompanhar o trabalho dos profissionais da Secretaria de Saúde e parabenizá-los pelo excelente desempenho à frente dessa batalha”, disse o secretário.


    O Hospital de Urgência Covid-19, que funciona nas instalações da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Hospital Nair Alves de Souza (HNAS), dispõe quatro leitos de UTI, sendo um infantil, além de dez leitos de enfermaria, atendendo à demanda de Paulo Afonso e da microrregião, conforme acordado com o Governo do Estado, que realiza a regulação dos pacientes. A equipe, que trabalha em regime de 24 horas, é formada por cerca de 80 profissionais, entre médicos, enfermeiros, farmacêuticos, técnicos de enfermagem, radiologistas, laboratório, entre outros.


    O centro de triagem do BTN, que funcionava no Centro de Artes e Esportes Unificados (Praça Ceu), foi transferido para a Academia da Saúde, no dia 20 de julho, para dar melhor suporte aos usuários. O novo local conta com quatro leitos para estabilização e um respirador de transporte, para ser usado em eventuais casos onde haja a necessidade de remoção do paciente para uma unidade hospitalar.


     

    Autor: Ascom/PMPA