No Dia Mundial de Combate à Poliomielite, Secretaria de Saúde reforça importância da imunização

  • Publicado no dia: 24-10-2022
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Nesta segunda-feira (24), é o Dia Mundial de Combate a Poliomielite. Em Paulo Afonso, a Secretaria de Saúde chama a atenção da comunidade para a importância da vacinação das crianças contra o vírus que causa esta doença, conhecida popularmente de paralisia infantil.


    A vacina contra a pólio está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS´s) e é intensificada durante as campanhas promovidas pelo Ministério da Saúde. Na última realizada, o município ultrapassou a meta estabelecida com a imunização de 99% das crianças de 1 a menores de 5 anos.


    “Tudo isso tem um esquema e idade, durante a campanha que nós estivemos realizando e ainda tem algumas doses remanescentes. Paulo Afonso bateu a meta, a procura foi muito boa, a vacina foi aplicada em um número bem considerável, atingimos quase 100% das crianças da faixa etária de 1 ano a menores de 5. Isso é muito bom porque as pessoas entendem a necessidade dessa proteção. Todas as unidades têm a vacina disponível, não precisa de agendamento, é importante que leve a caderneta de vacina”, diz a coordenadora de Imunização, Damaris Lopes.


    A equipe ressalta que a vacina contra a poliomielite, também conhecida como VIP ou VOP, é uma vacina que protege a criança de 3 tipos diferentes do vírus que causam esta doença, em que pode haver comprometimento do sistema nervoso e levar à paralisia de membros e alterações motoras na criança.


    Para proteger contra a infecção pelo vírus, a recomendação da Organização Mundial de Saúde e da Sociedade Brasileira de Imunização é a de que sejam dadas 3 doses da vacina VIP, que é a vacina dada por meio de injeção, até os 6 meses, e que sejam tomadas outras duas doses da vacina até 4 anos 11 meses e 29 dias que pode ser por via oral, que é a vacina VOP.


    No município, a vacina de gotinha aplicada na campanha para a garotada de 1 ano até menores de 5 anos, imunizou 7.597 crianças vacinas, e a VIP com 17.615, contabilizando 44.277 crianças imunizadas.

    Autor: Ascom/PMPA