Mais 36 jovens concluem o curso de Informática Básica e recebem certificados

  • Publicado no dia: 04-11-2022
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

     

    Qualificar a população de Paulo Afonso é uma das ações da Prefeitura. Por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e do Programa Educação Inclusiva, em parceria com os Programas Estação Juventude, o Auxílio Brasil e Soft Informática, foi ofertado o Curso de Informática Básica para mais uma turma de 36 alunos, que receberam o certificado de conclusão do curso nesta sexta-feira (4).


    Guilherme Lima, de 16 anos, falou da alegria de ter participado do curso. “Estou muito feliz. O curso é muito bom para a área de trabalho, já posso chegar no mercado de trabalho com esse curso tão importante”.

     

    A acolhida do evento, que aconteceu na Casa da Cultura, ficou por conta do cantor e compositor Oscar, autor do hino de Paulo Afonso. O momento teve a presença do vice-prefeito Marcondes Francisco, da coordenadora do Programa Educação Inclusiva, Márcia Oliveira; a coordenadora do Auxílio Brasil, Cecilma Regina e a Diretora da Soft, Débora.

     

    “É com muita alegria que a gente participa dessa entrega dos certificados. O prefeito Luiz de Deus, na pessoa de Cintia Rosena, está preparando os jovens para o mercado de trabalho. O município está dando essa grande oportunidade para os adolescentes aprenderem e estarem preparados. Todos estão de parabéns”, diz o vice Marcondes.

     

    Com um total de 80 horas e duração de quatro meses, o curso foi ministrado pelo professor Valdir Paiva. A capacitação é destinada para os moradores do município a partir de 15 anos de idade, nos bairros e povoados que estão em situação de vulnerabilidade social e econômica.  A ação tem como objetivo qualificar os alunos para o uso básico de computadores e internet.

     

    “Quando a gente fala de educação inclusiva, é incluir aqueles que não têm acesso a ferramenta porque além de acesso a informática também vai dar uma possibilidade para conseguir um emprego. Esse curso que é disponibilizado é muito bom, porque além de ensinar o básico, explora a internet, como usar de forma positiva para pessoa se desenvolver profissionalmente como cidadã, porque não adianta garantir o acesso a tecnologias, a educação, se a gente também não trabalha a importância da mesma como ferramenta de desenvolvimento humano”, diz a coordenadora do Auxílio Brasil, Cecilma Regina.

     

    Autor: Ascom/ PMPA