Expedição ‘Velho Chico de Bike’ passa por Paulo Afonso

  • Publicado no dia: 20-01-2016
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Uma aventura inédita. Seguir de bicicleta os 2.830 km de extensão do Rio São Francisco, da nascente até a foz. Essa é a ideia de um grupo de amigos de Brasília que realizam a expedição “Velho Chico de Bike”. Nesta terça-feira (19) eles completaram mais de 2 mil km de percurso ao chegar em Paulo Afonso (BA), depois de passar por Rodelas (BA).

    A equipe formada pelos ciclistas amadores Régis Benes (55), Carlos Benes (50), Naufrago do Universo (51) e no veículo de apoio Henrique Bruxeles (56) tem como um dos objetivos incentivar o cicloturismo no país, mostrando o potencial da rota através do rio. “Por que de repente não fazer do cicloturismo uma opção de renda para as populações ribeirinhas?”, provoca Régis que organizou a expedição e já vivenciou o cicloturismo em percursos famosos do mundo como o de Santiago de Compostela, na Espanha.

    Na visita a cidade, Henrique Bruxeles esteve reunido com o secretário de Cultura e Esportes de Paulo Afonso, Jânio Soares, a quem entregou um Kit de com cartilhas doadas pelo SEST/SENAT, que apóia o grupo. “Essa é uma pequena colaboração cultural que damos aos municípios onde passamos”, declarou Henrique.
    A experiência do grupo está sendo compartilhada através da página no facebook fb.com/velhochicodebike. Daqui, eles seguem para Piranhas (AL) onde devem chegar na tarde desta quarta-feira, 20.

     

     

    O percurso

    A aventura começou em julho de 2015, e durou 22 dias da nascente até Ibotirama (BA). A segunda etapa foi iniciada em 11 de janeiro, e percorre mais 1.400 km até a foz, em Piaçabuçu (AL).

    “Eu pratiquei motociclismo por muito tempo, e percorrer o rio São Francisco era um sonho antigo, depois o ciclismo foi fazendo parte da minha vida. Foi quando então decidimos seguir de ‘bike’, o que tornou tudo mais desafiante”, explica Régis sobre como surgiu a ideia.

     

    Autor: ASCOM-PMPA Por Dorisvan Lira