Equipe da Sedes participa da entrega do Selo Unicef e visita Casa do Estudante

  • Publicado no dia: 15-12-2020
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    A promoção de igualdade e avanços nas áreas de saúde, educação, proteção e participação social foram reconhecidas na manhã desta terça-feira (15), durante a solenidade oficial de entrega do certificado do Selo UNICEF Município Aprovado – Edição 2017-2020, em Salvador. Esta é a quarta vez que Paulo Afonso recebe o reconhecimento.


    Estiveram presentes a Secretária de Desenvolvimento Social, Cíntia Rosena; a Articuladora do Selo Unicef, Ana Rúbia; a Presidente do CMDCA, Cecilma Regina e a Mobilizadora dos Adolescentes, Luciana Moura.


    “A certificação de Paulo Afonso é uma grande conquista e mostra que estamos comprometidos em promover o bem-estar social da população, garantindo todas as qualidades para o desenvolvimento de nossas crianças e adolescentes. Agradeço a minha equipe e todos que participaram para que nosso município obtivesse mais esta conquista”, disse a Secretária de Desenvolvimento, Cintia Rosena.


    A equipe da Sedes aproveitou a estada na capital e realizou na segunda-feira (14), uma visita a Casa do Estudante, localizada na Rua Odilon Santos, no Bairro Rio Vermelho. O objetivo da visita é garantir a continuidade e qualidade do serviço que é ofertado pela Prefeitura.


    O local foi implantado no primeiro governo Luiz de Deus, em 1992, com o objetivo de proporcionar às pessoas em situação de vulnerabilidade econômica a oportunidade de estudar em Salvador. Para morar lá, é necessário comprovação de matrícula em cursos de graduação, técnico ou pós-graduação.


    Selo UNICEF

    A partir de um diagnóstico e de dados levantados pelo Unicef, os municípios que se inscrevem passam a conhecer melhor sua realidade e as políticas voltadas para infância e adolescência. Com dados concretos e participação popular, o município tem condições de rever suas políticas e repensar estratégias de forma a alcançar os objetivos buscados, que estão relacionados aos objetivos de desenvolvimento do milênio.

    Autor: Ascom/PMPA