Educação comemora o destaque de jovens talentos

  • Publicado no dia: 17-12-2015
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Um ano de conquistas expressivas para a Secretaria de Educação da cidade de Paulo Afonso. Duas estudantes ganharam medalhas na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), além de alcançar o 1º e quinto lugar no Prêmio Jovem Jornalista do jornal A Tarde.

     

    Para comemorar esses resultados uma cerimônia realizada na Secretaria de Educação entregou prêmios e certificações para os estudantes e professores envolvidos nos projetos. Os certificados da OBMEP tiveram um significado mais especial ainda. Na cidade de Paulo Afonso apenas três estudantes ganharam medalha, duas delas, da Rede Municipal de Ensino. As estudantes de 15 anos, Rosana Lima da EM Amâncio Pereira e Débora Sá da EM Castro Alves receberam a certificação concedida pelo Instituto Nacional de Matemática Pura Aplicada. “Fiquei surpresa com o resultado, fiz a prova apenas com o conhecimento que tinha”, disse Rosana Lima que agora espera ganhar mais medalhas em outras edições da OBMEP. “As pessoas acham a matemática difícil, mas basta você se dedicar a ela”, aconselhou a medalhista para os que sentem dificuldade na matéria.

     

    Outros dois estudantes homenageados foram Pedro Henrique de apenas oito anos, que ficou em 1º lugar na categoria tirinhas, e Yuri Rodrigues de nove anos que conquistou o quinto lugar na mesma categoria. Na cerimônia os estudantes e professores receberam a premiação um Tablet e um cupom vale-livros.  Os resultados de Paulo Afonso no prêmio (que teve participação de toda a Bahia) rendeu ainda para a professora Maria do Carmo o título de Melhor Articuladora do Jornal. 

     

    Selma Carvalho, secretária de Educação, destacou em sua fala a importância dessas conquistas e elogiou o trabalho de professores assim como da equipe da Secretaria. “Isso é o resultado da equipe e a confiança de nosso gestor”. “Queremos agradecer aos gestores professores e os pais dos nossos alunos por acreditarem em nossas escolas e aos estudantes que são nossos atores principais”, conclui a secretaria que comemorou os resultados. 

     

    Autor: ASCOM/PMPA Por Dorisvan Lira