CAPS II de Paulo Afonso participa de Importante Encontro em Salvador

  • Publicado no dia: 29-05-2009
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Para comemorar os 30 anos da Lei Franco Basaglia, o CAPs II – Centro de Atendimento Psicossocial de Paulo Afonso foi convidado para participar do Encontro Internacional pelas Reformas Psiquiátricas e Transformações Culturais no Brasil e no Mundo, realizado no Centro de Convenções da Bahia, em Salvador, nos dias 11 a 13 de maio de 2009.

    Estavam presentes ao evento autoridades como: Jacques Wagner (Governador do Estado da Bahia), Juca Ferreira (Ministro da Cultura), Jorge Solla (secretário Estadual de Saúde), Pedro Gabriel Delgado (Coordenador de Saúde Mental do Ministério da Saúde – Brasília), além de representantes internacionais em Saúde Mental: Franco Rotelli e Ângelo Righetti (Itália), Paul Morin (Canadá), Gregório Kasi (Argentina) e Manuel Desviat (Espanha).

    Apontado como a unidade de referência do sertão em assistência em saúde mental, o CAPS II de Paulo Afonso, através de sua apoiadora institucional Estadual, Mônica Formazier, foi escolhida e inscrita entre as 11 unidades em saúde mental supervisionadas por Formazier, para expor os seus trabalhos  pelos técnicos, equipe de apoio e usuários.

     Sempre contando com o apoio da Secretaria de Saúde e da Prefeitura de Paulo Afonso, o CAPS II, através de seus técnicos, Sabrine Canonici (Coordenadora), Cristiane Moraes (assistente social), Ana Cristina (psicóloga) e Luis Filipe (enfermeiro), foi com toda garra e entusiasmo, representar o Município de Paulo Afonso nesse evento internacional.

     Como declarou Ana Pitta, coordenadora da FAMED – EFBA e ex-assessora do Ministério da Saúde, “Caps II – Paulo Afonso, torci muito por vocês! Aquele pontinho no meio do Brasil realizando um ótimo trabalho. Parabéns.” Com a barraca exposta no encontro, os visitantes puderam conhecer um pouquinho do trabalho terapêutico desenvolvido com os usuários em tratamento contínuo e seus familiares com oficinas de artesanato, como pinturas e artes plásticas, dobraduras, fuxico, arte com jornais, revistas, entre outras atividades realizadas na unidade, bem como conhecer um pouco do nosso município, através do material multimídia.

     O CAPS II – Centro de Atenção Psicossocial de Paulo Afonso é referência na área de saúde mental. Através do tratamento terapêutico realizado no CAPS, são reveladas pessoas com inúmeros potenciais criativos, que ganham oportunidade de expressá-los nas oficinas de artes e de educação realizadas. O Programa de Saúde Mental do CAPS II de Paulo Afonso é marcado pelo trabalho no campo da Reforma Psiquiátrica. O trabalho segue a lógica antimanicomial, que valoriza o cuidado em liberdade, a conquista da cidadania e a reinserção social dos pacientes com transtornos mentais.

    Autor: ASCOM/PMPA