1º Fórum Comunitário é realizado em Paulo Afonso

  • Publicado no dia: 29-09-2010
  • 0
    AÇÕES
    0
    VISUALIZAÇÕES

    Dialogar com diferentes setores da comunidade, incentivando a participação social e fortalecendo o compromisso de todos com os direitos das crianças e dos adolescentes, foi com esse objetivo que aconteceu na manhã de terça-feira, 28, no Centro de Cultura Lindinalva Cabral, o 1º Fórum Comunitário Selo Unicef Município Aprovado, Edição 2009/2012. O evento foi promovido em parceria pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Comissão Pró-Selo e Prefeitura de Paulo Afonso, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Secretaria de Educação e Secretaria de Saúde.

    O auditório do Lindinalva Cabral esteve lotado com educadores, gestores, setores municipais da educação, saúde e desenvolvimento social, além de autoridades políticas e sociedade civil, que buscaram conhecer a atual situação da criança e do adolescente na cidade e buscar elaborar planos e metas para a melhoria da qualidade de vida. Logo no início do evento, houve o acolhimento com a orquestra de crianças e adolescentes da FUNDAME. A abertura oficial ficou por conta das crianças e adolescentes da Escola Municipal São Vicente de Paulo que cantaram o Hino Nacional Brasileiro. Em seguida, integrantes do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) também realizaram apresentação. No evento, compuseram a mesa o prefeito Anilton Bastos, a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Magda Moreira; o jovem Pedro Antônio, do Projovem Adolescente; o Major da 1ª Companhia de Infantaria, Luciano Bortoluzzi; a secretária de Educação, Selma Carvalho; a secretária de Desenvolvimento Social, Ana Clara; o presidente da Câmara de Vereadores, Antônio Alexandre; a secretária de Saúde, Andréa Batomarco; o presidente do Lions Clube de Paulo Afonso, Manoel Gaudêncio; Padre Celso, da Diocese de Paulo Afonso; o secretário de Turismo, Cultura e Esporte, Jânio Soares e o professor Gilberto Gomes.

    Em discurso, o adolescente aluno do Projovem Adolescente, Pedro Antônio, agradeceu ao prefeito por aquele momento. “Quero agradecer primeiramente ao prefeito Anilton Bastos por demonstrar em momentos como este, a preocupação que o Governo Municipal tem em melhorar as condições de vida da criança e do adolescente na nossa cidade”, agradeceu o adolescente. Já a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Magda Moreira, enfatizou a quantidade de ações que são desenvolvidas. “Que possamos mostrar ao mundo e aos pauloafonsinos, o quanto nossa cidade é bonita e quantos projetos são desenvolvidos a fim de que possamos melhorar a assistência das nossas crianças e adolescentes”. O prefeito Anilton Bastos destacou os objetivos a serem alcançados com as ações desenvolvidas. “Nós começamos este trabalho atingindo objetivos para melhorar cada vez mais a qualidade de vida das nossas crianças e adolescentes. A sociedade civil e o poder público podem fazer mais em nosso município. O Selo UNICEF visa ao sonho de todo gestor municipal acabar com a fome, reduzir a mortalidade infantil, porque as crianças representam o futuro”.

    O articulador municipal do Selo Unicef, Bruno Diniz,  apresentou a metodologia, objetivos e a importância do fórum. “Vamos fazer um diagnóstico da situação das crianças e adolescentes da nossa cidade, conhecendo as suas necessidades. Vamos traçar metas e ações para melhorar as condições e qualidade de vida das crianças e dos adolescentes do nosso município”, enfatizou o articulador.  

    Após a exposição do diagnóstico, houve grupos de trabalho e dinâmica, peça teatral Super ECA com os meninos do Projovem Adolescente, agradecimentos e o encerramento festivo com crianças e adolescentes das escolas municipais. Este primeiro Fórum subsidiará a elaboração de um Plano de Ação Municipal, que deverá prever ações a serem executadas até 2012 com o objetivo de contribuir para a melhoria dos indicadores sociais na área da infância e da adolescência

    Autor: ASCOM/ PMPA